mel pergunta
"Fitas de velcro são eficientes porque permitem abrir e fechar quantas vezes for preciso. Elas servem para reunir os cabos e fios e prendê-los, mantendo a área organizada."
Clique em "boa dica", acumule favos de Mel e troque por E-Books ou descontos na Loja OZ!

organizesuavidaorganizesuavida
  • Verificando Tweets...
    ozlojaozloja
    • Verificando Tweets...

      Conheça os mapas mentais e facilite seus estudos

      Conheça e saiba como utilizar mapas mentais

      Mapa mental, ou mapa da mente é o nome dado para um tipo de diagrama, sistematizado pelo inglês Tony Buzan, voltado para a gestão de informações, de conhecimento e de capital intelectual; para a compreensão e solução de problemas; na memorização e aprendizado; na criação de manuais, livros e palestras; como ferramenta de brainstorming (tempestade cerebral); e no auxílio da gestão estratégica de uma empresa ou negócio.

      Na América do Sul, Viviani Bovo e Walther Hermann tratam da aplicação das técnicas gráficas de gerenciamento de informações, ao aprendizado, à expansão da criatividade e à criação de conhecimentos. Grupos de estudo têm se formado pelo mundo, geralmente ligados ao Centro Buzan, para estudar e compreender o sistema de mapas mentais. Por outro lado, o motivador Aldo Novak considera que o sistema de gestão gráfica é ideal para aplicações na organização pessoal, profissional e corporativa.

      Veja a seguir alguns usos e respectivas sugestões de estratégias.

      Para planejamento
      No caso de eventos, como festas, quando for escolher o que vai ter ou acontecer, simplesmente olhe o mapa mental e faça suas escolhas. Outra maneira é fazer o seu planejamento normalmente e usar o mapa mental depois, como uma lista de verificação, para completar ou enriquecer o que fez.

      Para memorização e lembrança
      Se seu propósito é memorizar, para que você se lembre o mapa mental deve estar acessível e estável em sua mente, como por exemplo no caso em que você vai ministrar uma aula ou palestra ou ainda fazer uma prova. Pela praticidade de um mapa mental, você pode aproveitar até momentos potencialmente improdutivos para fazer isto, como ônibus, filas e outras esperas.
      Se você não quer exatamente memorizar um mapa mental, mas sim se lembrar de algo quando achar apropriado, pode imprimir o mapa e carregá-lo na bolsa, pasta ou carteira..

      Para aprendizagem
      Talvez você se lembre de algum assunto que conhece bem porque leu sobre ele, respondeu perguntas, discutiu com alguém, questionou, enriqueceu, validou... Creio que essa é a melhor maneira de aprender algo: aplicar esse algo para algum propósito e conviver, ter experiências com o conteúdo. Quando sabemos algo bem, tipicamente temos modelos mentais ricos sobre esse algo, resultado de experiências variadas.

      Assim, elaborar um mapa mental de um conteúdo é um passo na direção de aprender esse conteúdo. Revisá-lo, criticamente ou não, mais um. Usar o mapa para algum propósito prático é outro grande passo. Apresentar o mapa para alguém, mais outro. Cada experiência consolida um pouco mais seu aprendizado, que tem um começo mas nunca terá um fim, porque sempre se pode descobrir e aprender algo a mais sobre qualquer coisa.

      Recursos
      O uso de programas de computador para geração dos mapas mentais é visto com reservas por parte dos especialistas, embora muitos os defendam. Aldo Novak, autor de 'A Única Diferença', enfatiza que os mapas a serem usados para aprender devem ser feitos sempre à mão, com canetas coloridas e papel, enquanto os mapas usados para ensinar (ou transferir informações) devem ser feitos com programas especiais como:

      * Visual Mind - Expandindo suas idéias(Programa de mapas mentais internacional em português.)
      * INTELIMAP (Programa brasileiro ideal para educação, aprendizado e gestão.)
      * Mapas Mentais(Sítio brasileiro gratuito de mapas mentais, artigos e recursos.)
      * Sabernetico (Sítio brasileiro gratuito, com modelos de mapas mentais.)

       


      "Esta matéria pode ser publicada gratuitamente em seu site, jornal, revista ou newsletter, desde que citada a fonte: www.organizesuavida.com.br/.

      Se desejar publicar artigos e informações exclusivas entre em contato."

      newsletter

      Avalie esta matéria:
      115980 visualizações
      Facebook Twitter Google Bookmarks Delicious
       seu nome
       seu e-mail
       e-mail do destinatário
       comentários
       
       
       
       
       
      215 caracteres disponíveis